GO ALL

Prevenir o que é prevenível
Curar o que é curável
Tratar o que é tratável

O Go All é um movimento sem fins lucrativos, composto por organizações de diversos setores da sociedade especialistas em saúde, como organizações não governamentais, indústria, academia, empresas, profissionais de saúde, que se unem para criar uma agenda de trabalho colaborativa em torno de um propósito comum: trabalhar para que cada cidadão brasileiro tenha acesso aos avanços da oncologia contemporânea.

História

De acordo com Organização Mundial da Saúde, o câncer é uma das principais causas de morte no mundo. Somente em 2012, foram registradas a ocorrência de, aproximadamente, 8,2 milhões de óbitos decorrentes da doença. Além disso, a incidência da doença está aumentando em todo o mundo. A expectativa é que o registro de novos casos cresça 70% nas próximas duas décadas, chegando a 23 milhões de casos novos por ano. Mais de 60% deles devem surgir em países em desenvolvimento, como o Brasil.

Paralelamente a este cenário, grandes avanços na oncologia têm surgido, notícia que traz esperança aos milhares de brasileiros portadores da doença. Tecnologias disruptivas, como a imuno-oncologia, representam avanços importantes no combate ao câncer e já são estão ao alcance de cidadãos de países desenvolvidos.

Apesar disso, entraves relacionados ao nosso contexto social, político e econômico impedem o acesso dos brasileiros às novas tecnologias.

A desigualdade social, associada aos altos custos dos novos medicamentos, afeta diretamente a saúde dos indivíduos, garantindo informação, prevenção, diagnóstico e tratamento a uns em detrimento de outros. Nosso Sistema Público de Saúde (SUS), fundamental para

corrigir essas assimetrias e garantir os direitos universais de saúde, encontra-se em um momento delicado: escassez de recursos e problemas de gestão, como burocracias disfuncionais e falta de transparência.

Devido à complexidade e à abrangência desses problemas, abordagens individuais e isoladas não são suficientes. Torna-se necessário unir diversos atores da oncologia, pois cada um tem um papel fundamental no controle do câncer. A solução desenvolvida foi convocar e engajar esses atores na formação de um movimento que defenda os interesses amplos da comunidade portadora da doença.

Neste cenário, diferentes setores da sociedade uniram-se em 2015 para criar uma agenda colaborativa em torno de um propósito comum: trabalhar para que cada cidadão brasileiro tenha acesso aos avanços da oncologia contemporânea, prevenindo o que é prevenível, curando o que é curável e tratando o que é tratável.

E este é só o começo!

Participantes

O que fazemos

Unimos esforços dos diferentes setores da sociedade para encontrar ideias e soluções inovadoras em benefício dos pacientes

Nosso compromisso é colocar o controle do câncer como prioridade da Saúde no Brasil, contribuindo para construção de soluções sustentáveis que transformem a vida dos pacientes

Gerando impacto no sistema, por meio da proposição de mudanças nas políticas públicas, de forma a atender aos desafios da Oncologia Contemporânea

Cobrando transparência na gestão pública e privada da política oncológica

Impulsionando a Oncologia Contemporânea, com o envolvimento dos principais atores da sociedade